tr?id=212100369842550&ev=PageView&noscript=1 Desinsetização e seus Benefícios no Controle de Pragas - Bye Insect - Controladora de Pragas

Blog

Desinsetização e seus Benefícios no Controle de Pragas Desinsetização e seus Benefícios no Controle de Pragas Desinsetização e seus Benefícios no Controle de Pragas

Desinsetização e seus Benefícios no Controle de Pragas

Descubra o poder da Desinsetização para o controle de pragas em ambientes urbanos

Consideradas o pesadelo de muitos, as pragas urbanas podem trazer sérios prejuízos materiais para quem vive no ambiente e colocar em risco a saúde das pessoas. Mas ainda bem que existe a desinsetização para eliminar essa preocupação!

A proliferação de pragas urbanas ocorre pela busca de três elementos simples de sobrevivência: água, alimento e abrigo. E em consequência disso, acabam deixando vestígios pode onde passam.

O termo “pragas” refere-se aos insetos e pequenos animais que se adaptam facilmente aos ambientes domésticos e urbanos.

São conhecidos como ratos, pombas, moscas, pulgas, caramujos, pernilongos, aranhas, escorpiões, baratas e formigas.

Acompanhe a seguir os benefícios da desinsetização para a tranquilidade e melhor qualidade de vida de todos. Vem com a gente!

Habitat das pragas urbanas

O ambiente urbano torna-se o principal meio de sobrevivência das pragas.

Esses animais desenvolvem se adaptam a qualquer tipo de meio, por possuírem condições biológicos de resistência, o que dificulta o extermínio de sua espécie nos espaços.

Áreas baldias e aquelas que ofereçam umidade e alimento, tornam-se excelentes oportunidades para a infestação de animais indesejados.

Você sabia que as pragas urbanas se reproduzem no inverno?

Isso acontece para que no verão sua proliferação seja volumosa. Por isso que em climas mais quentes é comum receber visitas desses animais.

Principais doenças das pragas urbanas

Entre as principais doenças causadas pela falta de uma desinsetização correta do ambiente, estão:

  • Leptospirose: é transmitida pelo contato direto com a urina de rato. Os sintomas são bem parecidos com os da gripe, porém pode ser até fatal.
  • Criptococose: doença infecciosa causada por um fungo que atinge principalmente o sistema respiratório quando inalado.
  • Febre tifóide: é doença bacteriana transmitida por alimentos ou água contaminados, em ambientes precários.

Entenda a Desinsetização

Esse tipo de controle de pragas urbanas gera uma grande dúvida entre o termo dedetização e desinsetização. Qual é a forma correta de classificar esse serviço?

Atualmente, a desinsetização é a expressão adequada para se referir ao meio de combate eficiente que tem como objetivo básico garantir que o local e os produtos de consumo estejam livres de contaminações.

Para tal ação, é preciso ter conhecimento em biologia e química para manipular as substâncias tóxicas da melhor maneira, garantindo o extermínio completo das pragas urbanas sem causar danos ao meio ambiente.

Os profissionais especializados analisam os locais que propiciam a reprodução das pragas em lixos com alimentos em estado de decomposição, madeira, água parada e poeira, por exemplo.

Vale lembrar que ambientes que possuem muita umidade atrai ainda mais as pragas urbanas.

Já a Dedetização…

Tem um conceito bem distinto do termo desinsetização. Embora sejam bem parecidos, existe uma diferença significativa no modo de operação. Olha só!

A dedetização faz alusão ao Dicloro-Difenil-Tricloroetano (DDT), primeiro pesticida moderno muito utilizado durante e após a Segunda Guerra Mundial para o combate aos mosquitos vetores de doenças como malária e dengue.

O inseticida foi banido do mercado na década de 1970, devido seu alto nível de toxicidade e risco de intoxicação humana com a persistência do produto no ambiente.

Saiba como a Desinsetização é feita!

Para a realização da desinsetização, a empresa de controle de pragas terá que formalizar algumas questões técnicas para que haja êxito no trabalho final.

Separamos alguns exemplos de questionamentos mais comuns feitos antes do processo de eliminação das pragas.

  • É indispensável saber o tipo e tamanho do imóvel: se é residencial, predial ou comercial;
  • Qual o tipo de praga: cupim, rato ou barata?;
  • O ambiente afetado: se foi o quintal, cozinha, quarto e banheiro;
  • Se há plantas próximas ao local e se o espaço já fora desinsetizado alguma vez.

Periodicidade recomendada para a Desinsetização

Cada ambiente requer um tratamento diferente de acordo com suas necessidades. Confira abaixo, a frequência do extermínio das pragas urbanas em:

  • Residências: normalmente, a desinsetização é feita anualmente. Porém, dependendo da gravidade pode haver maior frequência na solicitação do serviço.
  • Condomínios: recomenda-se a contratação de uma empresa especializada, no período mínimo de 6 meses.

Legalidade para executar a Desinsetização

Independente do segmento e objetivo - seja desinsetização ou dedetizar -, a medida preventiva deve ir além da aplicação de produtos químicos em ambientes residenciais e comerciais.

Para exercer essa função tão importante para a contenção de pragas urbanas é necessário que um profissional legalmente habilitado receba o suporte técnico completo e seja devidamente registrado em seu conselho de classe.

A dedetizadora é responsável por fornecer todas as documentações exigidas pelos órgãos competentes e prestar serviços de desinsetização para qualquer tipo de instalação.

Além é claro, ser autorizada pela Vigilância Sanitária e Conselho Regional de Química.

Por isso quando as chances de infestação são grandes, o ideal é buscar auxílio de um prestador de serviço de empresas especializadas no manejo integrado das pragas.

Fique Atento!

Ler 570 vezes

Bye Insect
A Bye Insect Controladora de Pragas é reconhecida pela sua competência em busca de resultados positivos, comprometimento com serviços de excelência e profissionais altamente capacitados, promovendo assim a garantia na qualidade de seus serviços prestados.